Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

21
Fev17

Deliberadamente controlada pelo Steve Jobs

Bem, hoje custou-me tanto a levantar da cama que vocês nem imaginam. Adormeci no ombro do Rapaz em três segundo e o pobre coitado não me conseguiu acompanhar - faço já aqui o reparo à Barraqueiro Oeste, que faz autocarros para anões e o Rapaz, grande e possante, fica ali meio entalado. 

 

Fui a primeira a chegar à sala de estudo da faculdade. Fui buscar um cappuccino e já fiz as minhas primeiras leituras do dia. Depois de escrever, vou adiantar trabalho para o seminário que vou ter hoje. Tudo isto, antes do meio dia. Apesar de ter custado um bocadinho (grande) a sair da cama e não estar com a cara a mais bonita de todas, admito que estou a gostar muito de me sentir produtiva. 

 

Nos últimos dias tenho andado um bocado stressada, coisa que não tem facilitado as minhas noites de sono - semestre novo a começar, querer ir ao ginásio e não ter horas, os transportes que são um caos, a resposta do estágio que não chega... e por aí fora. Por essa razão, há uns dias respirei fundo e percebi que vou ter muitos momentos como este pela vida fora e que tenho de aprender a não me esquecer de mim nos entretantos. Para me ajudar, descobri a minha nova cena preferida: aplicações. Sim, as do telemóvel.

 

Estas coisas sempre me fascinaram mas nunca aderi porque não tinha um telemóvel bom, que não começasse a fumegar sempre que instalava alguma coisa nova. No Natal comprei um iPhone - e correndo o risco de soar  um bocado Kardashian - mudou a minha vida. Adoro-o. Amo-o, até! Já para não falar que posso ter mil e quinhentas aplicações que aquilo parece que não é nada com ele, é tudo esteticamente muito mais bonito - e isso agrada-me muito. 

Ontem foi dia de investir na minha pasta da "Saúde". Fiz o download de três aplicações - fora a de origem, que já me conta os passos e me faz um gráfico todo catita com as minhas horas de sono. Descarreguei uma para controlar o meu calendário menstrual, outra para beber água e outra - a minha preferida - para meditar. 

 

O calendário menstrual é só engraçado. Faz-me todas as perguntas e mais algumas - como está a minha pele, o meu humor, que dores tive, os desejos, as horas de sono... e depois - claro! - faz-me outro gráfico desses que eu adoro com a minha evolução ao longo do ciclo. Chama-se Clue e é gira que se farta. 

 

A da água tem sido um desafio. Chama-se "My Water" e o ecrã vai enchendo de água à medida que vamos bebendo ao longo do dia. Coloquei o meu objetivo diário para dois litros. Ontem bebi 107% do objetivo e quando fui para a cama dei uma palmadinha nas costas. Agora só preciso de uma app que me lembre de ir à casa de banho.

 

A de meditação chama-se "Headspace" e fiquei fã. Já falei várias vezes aqui de ansiedade e de haver muita coisa capaz de me tirar o sono - as minhas amigas dizem que é típico do meu signo e eu acredito nelas. Já disse que jamais irei ter uma filha a nascer em setembro. Por essa razão, decidi experimentar esta aplicação, aconselhada neste vídeo

 

Até agora sei que tenho um percurso de dez dias. Cada dia tenho uma faixa para ouvir, com a duração de dez minutos. O objetivo é usar esses dez minutos para esvaziar a mente e concentrar-me em mim, no meu corpo e nos meus sentidos. Na faixa de ontem ouvia-se a voz mais calma do mundo - e masculina! - a dar-me instruções sobre como respirar e como tomar consciência do meu corpo. O que mais gostei foi do facto de ele - tenho que lhe arranjar um nome - mencionar várias vezes que, visto ser o primeiro dia, era normal que ainda fossem aparecendo vários pensamentos durante os dez minutos da faixa. Isso, acreditem ou não, dá um conforto extra porque não sentimos nem que estamos a fazer aquilo tudo mal nem que estamos a ser ridículos. Fiquei fã e acreditem que sou bastante cética em relação a estas coisas. 

 

Perante o meu entusiasmo com a minha pasta da "Saúde", os meus pais questionaram-me se eu não estaria a deixar-me controlar pela tecnologia. Se calhar estou. Se calhar estou a ter a ilusão de escolha, quando na verdade estou a ser condicionada pelo Trump e os seus minions sem me aperceber. Se calhar - como me alertou o Rapaz em tom de brincadeira - estou a deixar que o moço da meditação me envie mensagens subliminares para o cérebro. 

 

Mas epá... se me faz sentir melhor, ter uma pele mais bonita, saber quando vem aí o TPM e beber mais água, acho que posso viver com isso. Isto das apps e da tecnolodia é sempre um pau de dois bicos mas acho que se vivemos numa era com acesso a ferramentas que tornam hábitos diários numa coisa mais divertida, por que não aproveitar? Sim, os meus avós não tiveram nada disto e estão muito felizes e bem de saúde, muito obrigada. Mas as coisas estão cá, alguém perdeu tempo a inventar isto - mesmo que tenham sido os minions do Trump. Por que hei-de rejeitar uma app tão gira e substituí-la por uma lista mal amanhada, escrita à mão? Até agora ainda me sinto eu própria, não fiquei a sonhar com atentados que nunca aconteceram, por isso acho que está tudo bem. Vou dando o update, pelo sim pelo não. 

 

Apps giras giras giras são (Sinónimo de) Carmezim.

Marta.

 

 

A Marta

Sinonimo de Carmezim

@mcarmeziim

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal