Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

11
Ago17

Porque o vício do YouTube não chega

Já em várias ocasiões, pelas mais variadas razões falei aqui do que foi para mim descobrir o lado lindo do YouTube. Digo lado lindo porque às vezes, se não tivermos cuidado, podem começar a aparecer-nos os vídeos mais estranhos do mundo nos "sugeridos". O YouTube é um manhoso, porque nos vai levando para esse "dark side" bem devagarinho, sem darmos por isso. Depois, PUMBA! Já estamos atolhados ou em vídeos não aconselháveis a estômagos fracos, ou a vídeos extremamente parvos ou a vídeos extremamente tristes. 

 

No entanto, tive sorte de descobrir um lado muito lindo do YouTube, com o qual me apaixonei. O meu tipo de vídeos preferidos para ver antes de ir dormir - sim, eu sei que não se deve - são vlogs. Também gosto muito de ver sit down videos sobretudo feitos por mulheres, quando é para falarem de temas com os quais me identifico ou sobre os quais sou apenas curiosa. Acho incrível a hipótese de, a partir das nossas casas, podermos conversar, ajudar ou simplesmente entreter pessoas de todos os lados do mundo, desde que nos entendam. O YouTube é, sem dúvida, um dos maiores responsáveis pelos dias em que me vou deitar mais tarde. Acabou por se tornar um hobby, parte da rotina e mal posso esperar por conseguir fazer o mesmo. O que eu não estava à espera é que, do nada, ficasse fascinada com outro lado da internet: os podcasts. 

 

Não ando muito de carro e quando ando são distâncias relativamente pequenas. Se forem um bocadinho maiores que a conta adoro pôr o volume bem alto e ouvir a minha playlist que é autêntico OURO dentro de uma pen. Com isto quero dizer que, apesar de gostar da área, não sou ouvinte de rádio. Vou ver de vez em quando os vídeos da "Mixórdia de Temáticas" quando a minha mãe me fala de algum episódio que a deixou em lágrimas a caminho do trabalho, mas nunca mais que isso.

 

Há uns tempos encontrei um podcast com vídeo no YouTube, vídeo esse que era só o logotipo do blog que lhe estava associado. Achei aquilo a pior ideia de sempre porque achei que o objetivo era estar deitada no sofá a olhar para aquele vídeo em que nada acontecia, como se fosse um qualquer vídeo do YouTube. Desisti ao fim dos primeiros minutos e nunca mais voltei a ter curiosidade de ouvir um podcast. Por outro lado - também já falei aqui várias vezes dele - comecei a gostar bastante de Maluco Beleza, o podcast do Rui Unas, porque aí já havia a componente visual. Comecei a ver aquilo como quem vê o Alta Definição, mas com asneiras. Via aquilo como quem vê um vlog, por isso muitas vezes me esquecia de que era, efetivamente, um podcast.

 

Esta segunda feira, quando cheguei ao trabalho, fui dar a minha vista de olhos pelos blogs lindos que sigo. Assim que entro na página da SAPO tive que espreitar os destaques e descobri nesse dia um blog chamado A Cabeça do Ned - adorei o nome! - com um post a comentar o episódio de Game Of Thrones do dia anterior. Não conhecia o blog e por isso fiquei muito surpreendida quando vi que o post era, na verdade, um podcast. Nesse podcast tinham ainda sido convidadas pessoas doutros blogs para discutirem em conjunto as várias interpretações que deram ao episódio. Achei a ideia super gira.

 

Tinha a versão audio e tinha também vídeo do podcast, publicado no YouTube. Ora, visto que estava a começar o meu dia de trabalho - e não posso propriamente estar especada a olhar para o computador durante uma hora a ver um vídeo de três pessoas a conversar, decidi - a medo - optar por pôr play na versão audio enquanto fazia as minhas tarefas do dia. Digo-vos, melhor coisa que fiz, mil vezes melhor do que ouvir música - porque há sempre o perigo de nos distrairmos e começarmos a cantar em voz alta. Quem nunca?

 

Ouvi todo o podcast nessa tarde e ainda um bocadinho do episódio anterior a esse. Adorei. Estava a ser produtiva ao mesmo tempo que ouvia uma conversa interessante sobre um tema do qual gosto muito. Entretanto decidi fazer uma pequena pesquisa e encontrei um site - também com app, obviamente já instalada no telemóvel - chamado aCast. Este site tem inúmeros "canais" - será assim o nome? - que publicam podcasts dos mais variados temas. Há de tudo neste site.

 

Tentei conter-me e por isso ainda só subscrevi a três "canais" nesta aplicação: The Bitch Bible - uma risada, sobre os mais variados temas, consoante os convidados de cada episódio -, Go 'Head Mama - ainda não ouvi nenhum episódio, mas é sobre mamãs - e At Home With... - o meu preferido porque se trata de entrevistas intimistas a bloggers, vloggers e mulheres com os seus próprios negócios ao mesmo tempo que vão sendo mostradas fotos dos recantos das suas casas.

 

Infelizmente não encontrei nenhum em português nesta plataforma e estou muito curiosa para cruzar com mais podcasts portugueses, como foi o caso d'A Cabeça do Ned. Costumam ouvir algum em português? Estejam à vontade para me fazer todas as sugestões e mais algumas porque os meus dias têm sido muito mais divertidos e agradáveis a ouvir as conversas dos outros, literalmente. Já para não falar que, estranhamento - e digo "estranhamente" porque achei que fosse uma coisa que me fosse distrair - até me torna mais produtiva. É mais um vício para juntar à lista!

 

 music parody listening yoda mash up GIF

 

Querer ter um podcast é (Sinónimo de) Carmezim.

Marta.

7 comentários

Comentar post

A Marta

Sinonimo de Carmezim

@mcarmeziim

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal