Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

03
Ago17

Sem Spoilers #11 | The OA

É preciso voltar a mencionar o meu amor pelas séries da Netflix? Não, pois não? Até porque nem o conseguiria fazer de forma racional tal é o meu entusiasmo por faltar menos de um mês para a estreia da terceira temporada de Narcos que, só assim por acaso, é uma das séries no meu TOP3 de séries preferidas. A estrear no meu dia de anos, ainda por cima! Tinha que ser, estava destinado!

 

Por falar em destino e em coisas que nem toda a gente entende ou acredita, hoje venho-vos falar de mais uma aposta da Netflix em que apostei na última semana, após ter lido um artigo sobre ela que me deixou muito curiosa: The OA. A série já estreou há uns meses - mais propriamente no dia 16 de dezembro de 2016 -, mas só agora é que começou a dar que falar. O público desta série foi crescendo cada vez mais e - sendo uma série que dá aso a tal - com o público foram também crescendo as teorias e a discussão da temática da série: a vida depois da morta. Ou pelo menos foi isso que entendi.

 

Imagem relacionada

 

A primeira temporada de The OA é composta por oito episódios com cerca de uma hora cada um e centra-se sobretudo na experiência passada de Prairie Johnson, uma jovem cega que desaparece e regressa a casa sete anos depois.... a ver! Só este facto já é suficiente para prender o espectador, mas comparado com o que vai acontecendo ao longo da serie, o facto de ela voltar a ver é o mais simples de entender.

 

A série fez-me lembrar o filme "The Inception". Sempre que falo sobre esse filme há alguém que me explica a sua forma de entender a história que é diferente das mil e uma maneiras que eu já consegui apanhar. Esta série também é assim: sendo que trata de temáticas como o além, o voltar da morte com a capacidade de contar o que se viu, viagens entre várias dimensões paralelas ao nosso mundo, misturando tudo isto com união, amor e conflitos familiares, The OA pode ser uma série complicada de definir e explicar.

 

Em pelos menos dois dos oito episódios tive que fazer uma pequena pesquisa por essa internet fora para conseguir entender melhor o que acabara de ver. Um conselho: não vejam a série sem legendas. Eu não tenho qualquer dificuldade em ver séries faladas em inglês sem legendas, mas senti que foram vários os momentos em que me escaparam certos pormenores importantes, daí ter sentido necessidade de explicações mais claras.

 

Um ponto muito positivo da série: para além da temática inovadora, com cheiro a ficcção científica até - The OA tráz também todo um novo conceito do que é deixar alguém pendurado e com vontade de ver o episódio seguinte. Não há nenhum episódio em que não acabamos a sentir-nos exatamente assim: pendurados, na incerteza de como se vão safar, do que vão fazer a seguir, no porquê de terem de o fazer.

 

É verdade que este ponto que para mim é positivo pode ser precisamente o contrário se gostam de séries um tanto ou quanto lentas. De episódio para episódio não são muitas as respostas que vamos descobrindo. Às vezes pode acontecer no episódio 2 serem respondidas perguntas do episódio 1, mas também pode acontecer essas mesmas resposta só se tornarem minimamente respondidas no epísódio 7. Da mesma maneira que faz com que se queira ver o episódio seguinte, pode também dar aquela sensação de insatisfação quando se chega ao fim da primeira temporada.

 

No final, não fiquei eufórica. Acho que sim, que é uma história interessante e diferente, com uma ótima produção e ótimos atores - não fosse ela Netflix. O que é certo é que esta série está a causa muita discussão, sobretudo pelas várias teorias para a segunda temporada, já confirmada e que eu certamente irei acompanhar. É uma boa série para se ver com a mente aberta e sem grandes pressas. No entanto, preparem-se para, muito provavelmente, ficarem a pensar em muitos "comos" e porquês".

 

Para finalizar, já viram bem o cartaz da série? Vocês já viram bem este artwork? Quando fiz a minha primeira pesquisa sobre a série, depois de ter lido esse tal artigo e vi essa imagem aí em cima, foi o suficiente para me deixar com vontade de começar a ver. Dá vontade de imprimir e expôr em casa. Vou pensar nisso!

 

7.5/10

 

Boas séries é (Sinónimo de) Carmezim.

Marta.

1 comentário

Comentar post

A Marta

Sinonimo de Carmezim

ÚLTIMO VÍDEO

@mcarmeziim

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal