Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

07
Ago18

Sem Spoilers #21 - Orange Is The New Black

Imagem relacionada

(Imagem: Cinepop)

 

Lembram-se daquilo que escrevi há uns posts atrás, em que falei no quão chateada estava por não ter nenhuma série para ver? Pois, acho que já descobri porque é que isso é algo que me acontece com alguma frequência: não sei ver as coisas com calma, sobretudo se a série for Netflix (que para quem não sabe disponibiliza todos os episódios de determinada série no próprio dia de estreia). Escusado será dizer que a sexta temporada de Orange Is The New Black, que estreou no passado dia 27 de julho, está toda vista. Pouco mais de uma semana depois de ter recebido esta nova temporada que nem um biscoito, tenho algumas coisas a dizer sobre ela. 

Não sei se isto é algo em que já alguém reparou, mas tendo a não escrever sobre séries de que já tenha falado antes. Por exemplo, se o ano passado fiz um post depois de ter terminado The Handmaid's Tale, este ano não vou voltar a falar sobre a série, pelo menos num post estilo review. Não sei, parece que me sinto a fazer posts repetidos ao escrever sobre a mesma série duas vezes e por isso evito. Para além disso, acho que fica subentendido que se adorei uma temporada de uma série vou certamente continuar a acompanhar a história. Orange Is The New Black é mais ou menos um desses casos. 

 

Nunca falei sobre esta série no blog, até porque a comecei a acompanhar bem antes de começar esta aventura. Acompanhei a história destas reclusas com grande entusiasmo, adorava as personagens e lembro-me de estar a torcer por todo o elenco naquele ano em que limparam os Golden Globes. Por falar em golden, esses sim foram tempos de ouro para esta série. Ao fim da segunda temporada estava enjoada. Por muito fortes que fossem as personagens e as suas histórias, dentro e fora da prisão, no final da segunda temporada fiquei com a sensação de que quem escreve a série estava a atravessar um periodo sem grande inspiração. Abandonei a série e dediquei-me a outras que me enchiam mais as medidas. 

 

Até que ouvi falar na morte de uma personagem importante no final da quarta temporada. Interessante e diferente, pensei eu. Vi apenas o final da quarta temporada e segui com alguma curiosidade para a quinta. Uma temporada nova que se passa somente em três dias durante um motim na prisão?! Uau, isto sim entusiasma uma pessoa! Até chorei no trabalho a ver o último episódio da quinta temporada que, não só teve algumas cenas surpreendentes (para mim), como também me deixou em pulgas para esta sexta temporada. 

 

Como já disse ali em cima, eu devorei esta nova temporada. O adeus a algumas personagens que pouco ou nada davam à série foi uma autêntica lufada de ar fresco. A mudança de cenário para um sítio ainda mais violento e com relações ainda mais complexas foi uma maneira super eficaz de prender o espectador. Os temas que até aqui tinham sido tocados apenas superficialmente (como o movimento Black Lives Matter, propriamente dito, com grande expressão sobretudo nos EUA, onde se passa a série) começavam agora a ter outra presença na trama da série, abrindo a cortina a novos olhares e interpretações sobre estas questões. As novas personagens, sobretudo o par das irmãs maléficas Barb e Carol, são algumas das melhores que esta série já teve. 

 

Tanto, tanto, tanto potencial que estava nesta nova temporada. Tanta coisa por onde pegar. Tanta expectativa criada de episódio para episódio para chegar ao último e pensar.... "a sério????". Estes posts chamam-se "sem spoilers" e por isso não quero contar muitos pormenores, mas coloco as coisas nestes termos: senti-me de novo a assistir à segunda temporada desta série, mas em pior. Pior porque se quando vi a segunda temporada de Orange Is The New Black era numa de "olha já que comecei a ver deixa lá ver no que é que isto dá", esta sexta temporada prendeu-me realmente. Não só por todas as razões já mencionadas em cima, mas também por causa do exemplar desempenho de todo o elenco. 

 

Todas estas novas questões que são introduzidas - e muito bem - pelo motim da quinta temporada ficam praticamente todas sem resposta. Fiquei ali, completamente pendurada, com montes de perguntas na minha cabeça. O que mais me chateia, sobretudo sendo já esta uma segunda oportunidade que dou a Orange Is The New Black, é que se nota claramamente que isto é para esticar todas as perguntas até uma sétima temporada. Espero mesmo que seja a última e que cada episódio seja prego a fundo, com foco nas histórias que realmente interessam ouvir. 

 

Um bocado amuada é (Sinónimo de) Carmezim.

Marta.

 

1 comentário

Comentar post

Sinonimo de Carmezim

Por detrás deste blog está a Marta. Com 23 anos, saloia de gema, criou este cantinho onde vão poder encontrar tudo o que é sinónimo da sua pessoa.

ÚLTIMO VÍDEO

instagram

Find me on facebook

Parcerias

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.