Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

09
Jun17

O ser humano é incrível

Ontem tive que voltar à faculdade para fazer o último teste da cadeira de Ficção Científica e Fantasia. Esta foi uma cadeira opcional que escolhi por achar que seria uma forma de ter uma cadeira de literatura no meu último semestre do último ano. Comecei a cadeira a achar que o que mais iria gostar seria a parte de fantasia. Demos Game Of Thrones, Lord Of The Rings, Narnia Chronicles, Harry Potter e mais umas quantas coisas - tudo para adorar esta cadeira. 

 

No entanto, um semestre depois dessa minha escolha, posso dizer que a parte que mais me ficou foi uma temática falada durante as aulas de ficção científica. Quando falámos de filmes como The Thing ou Alien, mas sobretudo em Exterminador Implacável, discutimos muito o conflito entre ser humano e máquina. Com o desenrolar dos filmes há sempre uma espécie de mensagem de esperança para o público que nos mostra que independentemente dos avanços tecnológicos, a melhor máquina de todas vamos sempre ser nós. Isto fez-me pensar muito em nós, enquanto ser humanos, e nas capacidades incríveis que nós temos e às quais não damos o devido valor.

 

 

27
Mai17

Guardado na estante #7 | O Amante é Sempre o Último a Saber

20170511_200247550_iOS.jpg

Vá lá Marta, conseguiste trazer mais do que um Guardado na Estante no mesmo mês, até mereces um biscoito - que se sinta a forte ironia na frase anterior, por favor. Depois do processo que foi ler O Processo de Kafka, sabia que tinha de ler um livro levezinho. Já não tinha livros fofinhos que ainda não tivesse lido e não queria ter que ficar três dias a andar de transportes público sem companhia literária. Por isso, fiz uma pesquisa mais profunda nas prateleira cá de casa à procura de algo que me chamasse a atenção. E que soubesse que não seria demasiado sério. 

Os meus olhos, ainda que meio desconfiados, acabaram por cair em cima do único livro de Rui Zink que alguma vez comprei: O Amante é Sempre o Último a Saber. Comprei-o há uns anos porque o achava um grande maluco e porque acho a capa lindíssima. Na altura, tentei ler e não me lembro de ter sequer passados as primeiras dez páginas. Lembro-me que estava confusa, que não estava a perceber o que se passava e desisti. Interessante ver como o tempo realmente importa quando se fala em ler livros. Passados alguns anos, li-o num ápice e embora as partes confusas que continuam lá, nunca me senti perdida na história. 

 

 

Sinonimo de Carmezim

Sou a Marta e gosto de escrever umas coisas de vez em quando.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.