Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

(Sinónimo de) Carmezim

(Sinónimo de) Carmezim

18
Dez17

DAQUI A OITO DIAS ESTOU A COMER PERU

Foi este pensamento que me fez levantar da cama. Vá, isso e mais algumas coisas que por acaso até estou a ter um dia bastante ocupado. Mas o que importa reter neste post é que imaginar o peru com castanhas ajudou bastante ao grande sorriso que tenho hoje estampado na cara. Obviamente que pensar nessas coisas da maneira que o faço estando eu a tentar manter dieta para perder peso é um bocadinho contraproducente... mas eu não vos consigo mentir a vocês nem a mim própria. 

 

Nem dei pela última semana passar. Tal como contei aqui - também faz hoje uma semana -, estava muito entusiasmada para começar a última semana do primeiro semestro do mestrado. Foi uma semana muito ocupada a acabar trabalhos, escrever discursos e preparar apresentações. Então eu que desde o meu 12º anos me auto-intitulo "Rainha do PowerPoint" passei horas e horas de volta de imagens, esquemas de estrutura, tipos de letra, animações de diagramas... tudo para fazer apresentações de sonho. 

 

 

26
Out17

Não és tu, Tempo... sou eu!

Ia começar este post com a frase "o tempo é uma coisa frustante", mas depois de alguns minutos de reflexão a olhar para uma página do computador em branco descobri que se calhar não é bem isso que quero dizer. Esse "tempo", dito assim nessa frase, pode passar por tempo metereológico. Esse também é frustante, porque para a semana começa o penúltimo mês do ano e ainda vamos andar todos de manga curta. Como podem ver, ando a controlar-me bastante para não desatar aos gritos sobre isso aqui no blog. 

 

Apesar do tempo meterológico ser, efetivamente, frustante, não era nele que estava a pensar quando me lembrei dessa frase para começar este post. O tempo de que queria falar, de que vou falar, é o tempo do relógio. O tempo propriamente dito. A unidade de medida das nossas vidas, era a esse tempo que me estava a referir. Decidi que seria injusto chamar-lhe frustante porque não é ele que o é. Sou eu. Eu é que me "frusto" a mim própria. 

 

 

18
Jul17

A equação perfeita

Tenho uma relação de amor-ódio com números. Na escola sempre detestei matemática e mais tarde fisico-química e outras disciplinas que tais. Sorte a minha que tinha jeito para as outras e por isso a minha escolha em seguir humanidades no secundário não foi para fugir à matemática. Nessa altura, detestava mesmo tudo o que metesse números.

 

Com o tempo fui percebendo que os números, às vezes, podem ser coisas giras. Engraçadas, até. Nos casos mais bonitos, podem medir o tempo que passamos com alguém de quem gostamos. São os dias de aniversário em que a família e os amigos se juntam. São os anos de uma pessoa, os anos de casamento, de namoro, os anos que se trabalha num determinado sítio - motivo de especial felicidade nos dias que correm. Podem ser os nove meses que faltam para uma criança nascer, o seu primeiro aniversário. Podem ser o número que vemos no extrato bancário quando recebemos o ordenado. Pode ser o "-70%" quando vemos aquela coisa que há tanto queríamos comprar e está finalmente em saldos. Os números podem ser muito felizes.

 

29
Abr17

Antes da bonança... é só stress!

Este fim de semana vou passar um girls weekend na Aldeia da Pedralva e estou muito entusiasmada porque, apesar desta zona estar na moda há já algum tempo, nunca fui passar uns dias para estes lados e conhecer o sítio. Vamos passar lá duas noites, numa casinha de turismo rural e espero que dê para todas descansarmos muito e nos divertirmos ainda mais! - e claro, espero que me traga muita coisa gira para partilhar aqui.

 

Apesar deste entusiasmo em ir tenho que vos dizer que este pré partida não está a ser nada fácil e eu digo-vos já porquê. Primeiro: apetece-me sentar S. Pedro à minha frente, trazê-lo mesmo por uma orelha e perguntar-lhe se está a atravessar alguma crise de meia idade ou coisa do género. Segundo: fazer malas quando temos todo o tempo do nosso dia mais que contado.

 

 

17
Abr17

Bater de frente

Tal como todos vocês já sabem - foram tantos os posts em que me queixei disto -, tenho que andar em autocarros da carris nos dias em que vou trabalhar. Tal como partilhei com vocês também, a minha adaptação à nova rotina do estudar e ter o estágio foi um bocadinho complicada para o meu sistema nervoso, sobretudo por causa do tempo. Acho que nunca consegui chegar a horas, aquele verdadeiro a horas que eu tanto tento perseguir - mas que me foge sempre. Ou estou lá uma hora antes, ou quinze minutos depois. Já fez mês e meio que lá estou e percebi que tinha que me mentalizar disto. 

 

Felizmente, tenho a sorte de trabalhar num sitio onde compreendem que não moro ali ao lado e desde o primeiro dia que me deixam mais do que à vontade para não andar com esses stresses. Eu no fundo ainda os tenho, mas estão mais controlados porque é uma coisa que foge realmente ao meu controlo. Comecei a preocupar-me mais com o ser o mais produtiva possível quando lá estou, e na realidade, é isso que importa.

 

 

 

11
Mar17

Marta vai ao estágio #2

A minha primeira semana no estágio chegou ao fim e o balanço é positivo. Não sei se estou a ser demasiado dura ou exigente comigo mesma, mas a verdade é que isto de ser só "positivo" faz-me um bocado de espécie. Afinal, ninguém quer comer um bacalhau positivo, ninguém quer ler um livro positivo, ninguém quer assistir a um concerto positivo. Ninguém quer viver uma vida que fique ali, quieta, no positivo. Pelo menos, acho que ninguém se deveria contentar com isso. Como tal, sei que não tive uma primeira semana tão boa quanto gostava e o pior de tudo é que a culpa disso foi só minha. 

 

 

 

Sinonimo de Carmezim

Por detrás deste blog está a Marta. Com 22 anos, saloia de gema, criou este cantinho onde vão poder encontrar tudo o que é sinónimo da sua pessoa.

ÚLTIMO VÍDEO

instagram

Find me on facebook

Parcerias

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.